Como aparecer no Google na primeira página?

Postado em 02 abr 2016, categoria: Aparecer no Google, SEO | 6 comentários

  • Como Aparecer no Google, na Primeira Página?

Uma pergunta comum que deixa muitos profissionais de Web sem resposta é essa: Como aparecer no Google na primeira página? Existem duas situações distintas nessa pergunta. Uma é aparecer no Google, outra é aparecer no Google na primeira página, ou melhor, aparecer na primeira página do Google!
Para aparecer no Google é simples! Basta você cadastrar a URL do site no Search Console (uma ferramenta do Google que antigamente chamava-se Webmaster Tools) confirmar que é dono ou responsável pelo site, para isso o Google disponibiliza um arquivo HTML que você coloca na raiz do seu servidor, manda o Google fazer a verificação para confirmar e finalmente envie um sitemap para o Google informando quantas páginas tem o seu site e pronto. Em poucos minutos seu site vai aparecer no Google inclusive na primeira página!

Seu produto na primeira página do Google

Todavia, o que tem que aparecer na primeira página do Google não é o seu site, e sim a página do seu site que tem o produto ou serviço que você oferece! Se você tem uma empresa que presta serviço de limpeza, e o nome da sua empresa é “limpadora do Zé”, será que alguém que tivesse precisando do seu serviço e não te conhecesse, digitaria no Google “limpadora do Zé?” ou faria uma busca por: Serviços de Limpeza? Sua empresa tem que ser achada no Google pelo produto ou serviço que ela oferece! Por exemplo: Digamos que você quer comprar uma geladeira Brastemp Frost Free. Se você digitar: Ponto Frio, Lojas Americanas, Casas Bahia ou o nome de qualquer outro magazine que vende geladeira, todos eles vão aparecer na primeira página do Google e no primeiro lugar! Veja o exemplo na imagem abaixo:

  • Pesquisa Google - Ponto Frio

Mas, se você digitar, “Geladeira Brastemp Frost Free o melhor preço” o resultado será outro! Vão aparecer na primeira página do Google todas as lojas que vendem Geladeira Brastemp Frost Free e seus respectivos preços, para que você possa escolher onde comprar! Confira na imagem da busca:

  • Pesquisa Google - Geladeira Brastemp Frost Free o melhor preço

Veja que o Ponto Frio nem apareceu no resultado dessa pesquisa! Provavelmente porque não está otimizado para esse tipo de produto ou não tem o produto no momento. Pois bem, você deve estar se perguntando… E como eu vou fazer para o meu produto ou serviço aparecer na primeira página do Google?
Antes de tudo, você precisa ter pelo menos uma ideia de como as coisas funcionam no Google.

Como funciona as pesquisas no Google

O Google utiliza em seu algoritmo de busca uma expansão chamada (LSI) Latent Semantic Indexing (que traduzido para o nosso idioma quer dizer, Indexação Semântica Latente) para organizar os conteúdos. Entenda o que é LSI


    • Indexação: (ação ou efeito de indexar.)
    • Semântica: (num sistema linguístico, o componente do sentido das palavras e da interpretação das sentenças e dos enunciados)
    • Latente: (não aparente, não manifesto; oculto, encoberto.)

O LSI, além de gravar a palavra-chave de um documento ele examina uma coleção de documentos como um todo, para ver quais documentos contem as mesmas palavras e/ou palavras relacionadas entre si. Sendo assim, ele considera documentos que tem muitas palavras em comum, semanticamente próximo, e aqueles com apenas algumas palavras em comum, semanticamente distante. Esse método utilizado pelo Google desde Fevereiro de 2004, é aparentemente simples e bem parecido com a forma em que um ser humano avaliaria um conteúdo ou classificaria uma coleção de documentos!
Embora o algoritmo do Google não entenda nada sobre o significado das palavras, os padrões ele reconhece e se torna surpreendentemente inteligente.

Inteligência artificial do Google

Todo ano, o Google faz em torno de 500-600 alterações em seu algoritmo de busca. A maioria das atualizações do Google são ajustes e melhorias, e algumas são grandes alterações que podem até afetar o posicionamento de sites que estiverem fora de suas diretrizes, como aconteceu em 2011 com o Google Panda Update, e em 2012 com o Google Penguim Update, muitos sites despencaram nas buscas.
Entretanto, em Outubro de 2015, o Google deu um salto de qualidade ainda maior no seu serviço de busca! Outra expansão chamada RankBrain, um sistema de inteligência artificial foi adicionado e está sendo utilizado com algoritmos atuais do Google com o objetivo de fornecer melhores resultados para as consultas do usuário. Desenvolvido em sistemas baseados no “machine learning”, RankBrain usa processos matemáticos e um entendimento avançado de linguagem semântica para aprender mais e de forma gradual, como as pessoas pesquisam, o que elas pesquisam, e aplicar os resultados dessas conclusões em pesquisa futuras. Ao invés de ser pré-programado para responder a determinadas situações de uma maneira específica, pré-determinado (como a busca do Google era anteriormente), ele vai se atualizando ao longo do tempo. Ou seja, RankBrain é um robô que pode constantemente vasculhar as melhores peças para se atualizar sem depender de um ser humano para manutenção ocasional.
O RankBrain, essa Inteligência Artificial do Google, atua principalmente nas pesquisas de palavras ambíguas, palavras com vários significados ou termos coloquiais, para compreender a intenção do usuário na busca.

A intenção do usuário na busca

  • A intensão das buscas feitas pelos usuários.
    • 1- )Busca Navegacional ex: site da Anatel. O fato do nome da empresa estar na busca é um sinal para o buscador que o internauta quer ir ao site da Anatel mas não se lembra da URL.
    • 2- )Busca Transacional ex: Quanto custa o Office? Notebook Acer o melhor preço. Essa é uma busca do tipo transacional. O mecanismo de busca sabe que a sua intenção é fazer uma transação.
    • 3- )Busca Informacional ex: “como fazer batata calabresa” ou como está o tempo? Nesse caso o buscador sabe que você quer uma informação.



Existe também a Busca Local, porém, esta já está incorporada na intenção de outras buscas. Se você perguntar ao Google “como está o tempo?” pelo IP (Internet Protocol) do seu computador ou samrtphone ele saberá onde você está e como você não especificou uma localização, ele deduz que você quer saber sobre o tempo na sua região!
Se você pesquisar “ Notebook Acer o melhor preço” ele vai priorizar nos resultados das buscas, os sites das lojas que ficam mais próximas de onde você está!
Se você perguntar onde fica um determinado local, ele retornará a resposta com um mapa do local que você especificou!

Fatores de classificação no Rank do Google

O Google utiliza mais de 200 fatores para dar uma boa classificação no Rank da primeira página. Porém, vou listar aqui 5 fatores de classificação que são fundamentais para aparecer na primeira página do Google:

    • 1-) Os links que apontam para o seu site, os chamados Inbound Links.
    • 2-) Conteúdo de Altíssima Qualidade, com fontes confiáveis, links internos apontando para as fontes.
    • 3- ) Construção de textos com linguagem semanticamente próxima (monitorado pelo RankBrain)
    • 4-) Satisfação do usuário, que na verdade, na prática é o fator numero 1 no Rank do Google. Como o Google sabe que um usuário ficou satisfeito com o seu conteúdo? Simples! Se um usuário fez uma pesquisa e a resposta que o Google deu foi satisfatória, ele não vai refazer a busca. Outro detalhe importante, é o tempo de retenção do usuário na página, ou seja, se o usuário ficou numa determinada página por alguns minutos, significa que ele gostou do que viu, fez questão de ler o conteúdo todo, assistiu um vídeo, deu um curtir, fez um comentário, preencheu um formulário de contato ou finalizou uma compra. Todos esses itens mostram ao Google que aquele conteúdo é excelente, útil, satisfatório!
    • 5-) Sites responsivo, para atender a demanda dos smartphones, ou seja, sites que se ajustam ao tamanho de tela de qualquer aparelho de acesso à Internet. O Google dará preferência para um site responsivo, se a busca feita pelo usuário tiver origem de uma plataforma “mobile”.

Dicas para fazer um site aparecer na primeira página do Google

Agora que você já tem um ideia de como funciona a busca no Google, vou dar algumas dicas para você implementar no seu site.

    • 1-) O título da sua página, não deve ter mais de 63 caracteres, deve conter a palavra-chave referente ao seu produto e ser uma chamada de ação! Caso contrário é trabalho perdido.
    • 2- ) A descrição da sua página (aquele texto que aparece abaixo do título no resultado de pesquisa do Google) não deve ter mais de 140 caracteres, deve conter a palavra-chave referente ao produto que você oferece e ser um resumo do conteúdo da página.
    • 3- ) Escolha minuciosamente a palavra-chave que é um dos itens principais para o rankeamento de uma página no Google. Pois ela é a referência do produto/serviço ou informação oferecida na página da Web. Ex: Qual o carro OK mais barato do Brasil? (Carro OK) é a palavra-chave!
    • 4- ) A imagem inserida no conteúdo de uma página, deve representar o produto/serviço ou a informação oferecida.
    • 5- ) O vídeo inserido no conteúdo de um página, deve conter no título a mesma palavra-chave do tema e ser relacionado com o mesmo!
    • 6- ) O conteúdo é Rei e é um dos itens mais relevantes no rankeamento de uma página, tanto para o Google como para o usuário. Nunca utilize cópia, faça sempre conteúdo único, exclusivo e de qualidade extrema. Quem vai dar o aval do seu conteúdo ao Google é o usuário. O aval dele está no tempo que o seu conteúdo reter ele na página.

Aprenda como fazer um site aparecer no Google, na primeira página?

Inscreva-se agora no Curso de SEO Online. Não importa se você não sabe nada de Web, se você não conhece HTML, se você já fez outro curso e não conseguiu resultados, se você tem algum conhecimento de SEO ou nunca ouviu falar. Você precisa entender como funciona esse processo de SEO. O mais importante é que no Curso de SEO Online você terá aulas particulares ao vivo com o professor Vincent Benedicto (que tem 20 anos de experiência em SEO e Marketing Digital) e sem interferência de ninguém! É você e o professor! Você pode perguntar o que quiser tirar dúvidas, é como se tivesse uma consultoria de SEO só pra você! É a melhor opção para entender algo complexo como SEO e aprender como fazer um site aparecer na primeira página do Google sem ter que pagar anúncios. SEO para quem não sabe é uma abreviação de (Search Engine Optimization) que traduzido para o nosso idioma significa: Otimização para motor de busca. Inscreva-se agora no Curso de SEO Online e aprenda diretamente com o professor ao vivo a posicionar um site nos primeiros resultados de pesquisas do Google.


  • inscreva-se-em-nosso-curso-de-seo


Vincent Benedicto
SEO Sênior – Grif Art & Design

5.00 avg. rating (99% score) - 1713 votes

6 comentários

  1. GloRibolli / abril 4th, 2016 1:45

    Muito bom esse texto. Nunca tinha lido nada sobre essa indexação semântica latente, interessante! Mais interessante ainda é essa inteligencia artificial do Google.
    Logo ele vai até adivinhar o que nós pensamos! Estou interessada no curso de seo online. Vou te ligar. Abs.

    Reply

    • Vincent Benedicto / abril 4th, 2016 1:51

      Com certeza, o objetivo do Google é esse mesmo, saber o que pensamos antes mesmo de digitar! rsrs
      Sobre o Curso de SEO estou esperando sua ligação para te dar mais informações. Obrigado pela visita e volte sempre!

      Reply

  2. Fabiano / junho 20th, 2016 21:37

    O google todo dia esta com suas mudanças

    Reply

    • Vincent Benedicto / junho 29th, 2016 0:12

      Por isso temos que ficar atentos, Fabiano! Obrigado pela visita!

      Reply

  3. Humberto / maio 2nd, 2017 16:25

    Pretendo ver os meus anúncios na primeira pagina.`É possível??

    Reply

    • Vincent Benedicto / junho 22nd, 2017 1:47

      Olá, Humberto! Anúncios na primeira página você consegue com AdWords e não com SEO.

      Reply

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *