Google Hummingbird Update

Postado em 15 out 2013, categoria: SEO, Tecnologia Google | Comente esse post!

  • Google Hummingbird Update

Google Hummingbird Update ou atualização Beija-flor foi o nome dado a ultima atualização do Google em seu algoritmo que controla as SERPs, ou resultados das buscas, na tentativa de responder as mais complexas consultas com resultados precisos e instantâneos.

Objetivo do Google Hummingbird Update

O novo algoritmo de pesquisa foi ajustado para responder de forma mais eficiente a comandos de voz em dispositivos móveis, para a mais complexas frases de pesquisa. Essencialmente, o objetivo da atualização é para responder a demanda por compatibilidade de voz e as complicadas pesquisas de cauda longa via Google.
O Google fez essa mudança cerca de um mês atrás, mas anunciou para a imprensa num evento que aconteceu na garagem da casa no Parque Menlo (Califórnia), onde o Google começou e também comemorou o 15 º aniversário da sua fundação, que foi no dia 27/09/2013.

Polêmica sobre Google Hummingbird Update

Muita polêmica foi publicada na Internet sobre essa atualização, chamaram o Hummingbird Update de “Beija-Flor assassino do Google”, outros disseram que depois dessa atualização o SEO está morto, e outros absurdos postados na Web, o que mostra claramente o desconhecimento em relação a SEO. Na verdade muitos nem irão notar a diferença nos resultados de pesquisa. E se você tem um site com bons conteúdos e principalmente acessível por smatphones (responsive como o nosso por ex:) não tem com o que se preocupar.
O fator numero um no rank do Google é a satisfação do usuário.

Gráfico do Conhecimento

Diferente do Caffeine (atualização do Google de 2010) que foi focada na melhor indexação e rastreamento de sites para resultados de velocidade e etc, o Hummingbird Update se concentra no que o Google chama de Gráfico do conhecimento, ou seja, permite que você procure por coisas, pessoas, celebridades, cidades, equipes esportivas, edifícios, características geográficas, filmes, objetos celestes, obras de arte e muito mais, e instantaneamente obtenha informações relevantes para sua consulta!

Google quer uma conversa natural entre as pessoas e as buscas

Após o evento, Scott Huffman , diretor de engenharia chave no Google, atualmente trabalhando em linguagem natural, disse que parte do impulso para a mudança no algoritmo, foi a de que agora as pessoas falam nos celulares ao invés de digitar nas buscas, isso significa que os usuários estão fazendo algo de forma mais natural do que digitar comandos, o que é mais complicado. Assim, as fórmulas de busca do Google precisavam ser capazes de responder a essa demanda com precisão!
Embora as consultas sejam cada vez mais complexas, não significa que seja mais difícil de encontrar as respostas certas diz Huffman! Mesmo que uma consulta seja mais complexa, o Google pode dar melhor informação se os algoritmos estão ajustados para reconhecer a relação entre os termos pesquisados.
Em última análise, ele diz, “queremos chegar a uma conversa natural” entre as pessoas e as buscas no Google, em qualquer dispositivo que eles estejam usando.

Google responde a busca com voz

“Um executivo da Google na conferência de imprensa no Vale do Silício demonstrou o novo algoritmo em seu telefone inteligente, perguntando em voz alta sobre as fotos da Torre Eiffel. As fotos apareceram no telefone, nesse momento uma mulher perguntou a altura da torre. O telefone deu-lhe a resposta em voz alta.”

Quando a pesquisa no Google começou

(…) A Pesquisa do Google está fazendo quinze anos. Você se lembra como era a pesquisa em 1998? Era preciso inicializar aquele enorme computador de mesa, fazer a conexão por telefone com o modem barulhento e digitar palavras-chave para obter dez links azuis para sites que continham essas palavras. Parecia magia (e era bem mais rápido do que usar catalogação por cartão e microfichas).

O mundo mudou muito desde então: bilhões de pessoas agora estão on-line, a Web cresceu de maneira exponencial e você pode perguntar qualquer coisa para o pequeno e poderoso dispositivo que cabe no seu bolso. Você pode explorar o mundo com o Mapa do Conhecimento, fazer perguntas em voz alta com a Pesquisa por Voz, além de obter informações antes mesmo de perguntar com o Google Now.(…)

O Google reinventando
Amit Singhal, vice-presidente sênior de pesquisa do Google disse: “O Google vai continuar a reinventar-se e dar ao usuário tudo o que ele precisa para uma experiência simples e intuitiva. Em algum momento, pegando um smartphone para fazer uma pesquisa vai parecer tão arcaico como um modem dial-up.”

Alguns marcos do Google visíveis ao longo do caminho da busca

  • Verificação ortográfica em pesquisa (2001)
  • O conceito de sinônimos em uma pesquisa (2003)
  • Autocompletar de consultas (2005)
  • Busca universal em todos os tipos de temas em uma única interface (2007)
  • Google Instant para salvar alguns segundos por pesquisa (2010)
  • Gráfico do conhecimento para entender os conceitos e não apenas palavras (2012)
  • A busca por voz e Google Agora, o serviço de pesquisa de previsão(2013)

Então, qual é a próxima surpresa? Singhal diz que o Google vai responder às perguntas, ter uma conversa de forma natural, e até mesmo antecipar o que queremos saber.

Se você perdeu posições no Google e seu site não é acessível por smartphones… está na hora de rever seus conceitos com a WEB!
Inscreva-se em nosso curso de SEO e fique por dentro de tudo o que acontece no Google e em outros buscadores.
Curso SEO – Próxima turma dia 23 de Novembro de 2013.



Vincent Benedicto
SEO Sênior – Grif Art & Design

5.00 avg. rating (99% score) - 26 votes

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *